Sugestão de voto

Não sou muito de fazer recomendações principalmente se tratando de política, mas temos que nos posicionar de alguma forma .

Sendo assim recomendo para presidente a Marina Silva (43)

E para Deputada Federal Nazaré Sorrillo (2002)

Anúncios

Como votar na eleição 2010

Deputado Estadual

Você votará primeiro para deputado estadual (ou distrital). Usando o teclado da urna, digite o número do candidato que você escolheu. Os números dos candidatos a deputado estadual têm cinco dígitos.

Dados do candidato

Na tela, aparecerão a foto do candidato, seu nome, número e a sigla do seu partido.

Confirmação do voto

Se as informações estiverem corretas, aperte a tecla "confirma" (verde). A urna emitirá um rápido sinal sonoro.

Corrigindo o voto

Se os dados estiverem errados, pressione a tecla "corrige" (laranja) e digite novamente o número do candidato.

Deputado federal

O segundo voto será para deputado federal. Repita os mesmo passos do primeiro voto. Os números dos candidatos a deputado federal têm quatro dígitos.

Votando na legenda

Tanto para deputado estadual quanto para federal, você pode votar somente na legenda em vez de um candidato específico. Para isso, pressione o número do partido e, depois, aperte "confirma".

Primeiro voto para senador

O terceiro voto será para uma das vagas a senador. Quando você digitar o número, aparecerão os números tanto do seu candidato quanto do seu suplente. O número deverá ter três dígitos.

Segundo voto para senador

O quarto voto também será para senador, já que duas vagas estão em disputa. Repita os mesmos passos dos votos anteriores.

Governador

O quinto voto será para governador. Quando você digitar o número do candidato de sua preferência, a tela mostrará os seus dados e do candidato a vice na mesma chapa. O número deve ter dois dígitos.

Presidente

O sexto e último voto será para presidente. Assim como no voto para governador, a tela mostrará os dados tanto do candidato à Presidência quanto do seu vice. O número deve ter dois dígitos.

Final

Após o voto para presidente, a urna emitirá um sinal sonoro mais longo e a tela exibirá a mensagem "FIM".

Votando em branco

Caso você opte por votar em branco, é necessário pressionar as teclas "branco" e "confirma".

Não é piada pronta, é a realidade Tiririca concorre para a avacalhação das eleições brasileira.

Francisco Everaldo Oliveira Silva, o palhaço Tiririca, 45, provoca risos e indignação desde que a campanha eleitoral começou na TV.

Com o slogan "Vote Tiririca, pior que tá, não fica", ele vai às urnas para tentar uma vaga como deputado federal pelo Estado de São Paulo.

É a grande aposta do PR no pleito, tanto que ganhou a legenda de mais fácil memorização: 2222.

Folha – Por que você decidiu se candidatar?

Tiririca – Eu recebi o convite há um ano. Conversei com minha mãe, ela me aconselhou a entrar porque daria pra ajudar as pessoas mais necessitadas. Eu tô entrando de cabeça.

De quem veio o convite?

Do PR.

Como foi?

Por eu ser um cara popular, eles acreditaram muito, como eu também acredito, que tá certo, eu vou ser eleito.

Sabe o que o PR propõe, como se situa na política?

Cara, com sinceridade, ainda não me liguei nisso aí, não. O meu foco é nessa coisa da candidatura, e de correr atrás. E caso vindo a ser eleito, aí a gente vai ver.

Quais são as suas principais propostas?

Como eu sou cara que vem de baixo, e graças a Deus consegui espaço, eu tô trabalhando pelos nordestinos, pelas crianças e pelos desfavorecidos.

Mas tem algum projeto concreto que você queira levar para a Câmara?

De cabeça, assim, não dá pra falar. Mas como tem uma equipe trabalhando por trás, a gente tem os projetos que tão elaborados, tá tudo beleza. Eu quero ajudar muito o lance dos nordestinos.

O que você poderia fazer pelos nordestinos?

Acabar com a discriminação, que é muito grande. Eu sei que o lance da constituição civil, lei trabalhista… A gente tem uma porrada de coisa que… de cabeça assim é complicado pra te falar. Mas tá tudo no papel, e tá beleza. Tenho certeza de que vai dar certo.

Quem financia a sua campanha?

Então… o partido entrou com essa ajuda aí… e eu achei legal.

Você tem ideia de quanto custa a campanha?

Cara, não tá sendo barata.

Mas você não tem ideia?

Não tenho ideia, não.

Na propaganda eleitoral você diz que não sabe o que faz um deputado. É verdade ou é piada?

Como é o Tiririca, é uma piada, né, cara? ‘Também não sei, mas vote em mim que eu vou dizer’. Tipo assim. Eu fiz mais na piada, mais no coisa… porque é esse lance mesmo do Tiririca.

Mas o Francisco sabe o que faz um deputado?

Com certeza, bicho. Entrei nessa, estudei para esse lance, conversei muito com a minha mãe. Eu sei que elabora as leis e faz vários projetos acontecer, né?

O que você conhece sobre a atividade de deputado?

Pra te falar a verdade, não conheço nada. Mas tando lá vou passar a conhecer.

Até agora você não sabe nada sobre a Câmara?

Não, nada.

Quem são os seus assessores?

Nós estamos com, com, com…. a Daniele…. Daniela. Ela faz parte da assessoria, junto com…. Maionese, né? Carla… É uma equipe grande pra caramba.

Mas quem te assessora na parte legislativa?

É pessoal do Manieri.

Quem é o Manieri?

É… A, a, a…. a Dani é que pode te explicar direitinho. Ela que trabalha com ele. Pode te explicar o que é.

Por que seu slogan é ‘pior que tá, não fica?

Eu acho que pior que tá, não vai ficar. Não tem condições. Vamos ver se, com os artistas entrando, vai dar uma mudança. Se Deus quiser, pra melhor.

Esse slogan é um deboche, uma piada?

Não. É a realidade. Pior do que tá não fica.

Você pretende se vestir de Tiririca na Câmara?

Não, de maneira alguma.

Quem é o seu espelho na política?

Pra te falar a verdade, não tenho. Respeito muito o Lula pelo que ele fez pelo nosso país. Ele pegou o país arrasado e melhorou pra caramba.

Fora ele…

Quem ele indicar, eu acredito muito. Vai continuar o trabalho que ele deixou aí.

Então você vota na Dilma.

Com certeza. A gente vai apoiar a Dilma. Ele tá apoiando e a gente vai nessa.

Não teme ser tratado com deboche?

Não, cara. Não temo nada disso. Tô entrando de cabeça, de coração. Tô querendo fazer alguma coisa. Mesmo porque eu sou bem resolvido na minha profissão. Tenho um contrato de quatro anos com a Record. Tenho minha vida feita, graças a Deus. Tem gente que aceita, mas a rejeição é muito pouca.

Se for eleito, vai continuar na TV?

Com certeza, é o meu trabalho. Vou conciliar os dois empregos.

Em quem votou para deputado na última eleição?

Pra te falar a verdade, eu nunca votei. Sempre justifiquei meu voto.

Reportagem FERNANDO GALLO
Folha DE SÃO PAULO

Guia turístico brasileiro é detido no Egito

Ele é acusado de promover atividades religiosas, o que é proibido no país.
Policiais encontraram bíblias e folhetos evangélicos no carro do brasileiro.

Um guia turístico brasileiro está detido no Cairo, capital do Egito, sob a acusação de promover atividades religiosas, o que é proibido pelas leis locais.

Segundo a assessoria de imprensa do Ministério das Relações Exteriores, o homem, que vive no Egito, foi detido com outras duas brasileiras, que já foram liberadas.

A namorada do brasileiro, que vive no Maranhão, disse ao Jornal Hoje que ele ia visitar as pirâmides e foi detido por policiais que encontraram as bíblias e folhetos evangélicos no carro em que ele viajava.

De acordo com o Itamaraty, a embaixada do Brasil no Egito está tomando providências para que o brasileiro seja liberado.

Porque as crianças precisam dos pais!!!