Batendo pino?

Lembra-se desse problema? Acontecia muito com os carros mais antigos. Hoje parece que já resolveram isso. Mas eu lembro bem de carros de anos atrás que tinham esse mau hábito. Quando se pisava mais fundo, forçando um pouco o motor, ele não puxava para a frente, mas ficava mais ou menos na mesma e fazia um ruído que parece uma campainha lá dentro. Quando se abusava, era até compreensível o motor reclamar, mas quando se reduzia a marcha e ele continuava batendo pino, era sinal de que estava desregulado, e se então se insistisse em continuar assim, acabaria fazendo estrago grande. Numa situação assim, quando se topa com um ladeirão pela frente e o carro vai morrendo aos poucos, fazendo aquela musiquinha em vez de levar a gente morro acima, até vale este suspiro:

“Levanto os meus olhos para os montes e pergunto: de onde me virá o socorro?” ¹

A frase tem um jeito poético, mas a situação não é nada disso: na verdade, falta pouco para bater não só o pino no motor, mas o desespero na gente. Acabou-se o fôlego, e aí?

Tenho notado que às vezes nem mecânico resolve. Nesses casos, para o carro parar de bater pino, seria preciso mexer a fundo no motor, talvez mudando alguma configuração essencial. Aí, só mesmo o fabricante é que saberia o que fazer.

Pior é quando o problema não é o carro, e sim eu mesmo. Já lhe aconteceu de você “bater pino”? De você querer tocar a vida e, em vez disso, lá dentro da sua cabeça só haver barulho e o impulso acabar?

Nessa hora, não seria melhor você ter uma conversa com o fabricante, ou melhor, com o Criador, para ele arrumar sua vida antes que seja tarde? O poeta que escreveu a frase que citei aí em cima fez isso e se deu bem. Ele continua:

“O meu socorro vem do Senhor, que fez os céus e a terra.” ²

Mas talvez você nem esteja batendo pino. Na verdade, está tudo correndo otimamente, pelo menos até agora. No entanto, todos sabemos que, para máquinas, manutenção preventiva é melhor que consertos – e quando se trata do nosso corpo, profilaxia também é melhor que tratamento. E por que haveria de ser diferente com o espírito? No mais, nem sempre o motor bate pino avisando. Já fundi uma vez o motor de um carro sem aviso prévio, em plena estrada, longe de tudo.

“Quando disserem: ‘Paz e segurança’, a destruição virá sobre eles de repente, como as dores de parto à mulher grávida; e de modo nenhum escaparão.” ³

Mas ainda há uma objeção, eu sei: Quanto custa isso? Não sai muito caro?

Sai, sim.

Colocar a nossa vida dentro das “especificações do fabricante” sai tão caro que nem eu nem você nem ninguém consegue pagar o preço.

Por isso, muita gente continua batendo pino e forçando a situação, torcendo para que, mal ou bem, acabe chegando ao destino.

Acho que não sabem que esse problema do preço já foi resolvido:

“Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna.” ­4

Depois disso, seu único ônus para restaurar completamente a vida é reconhecer que você precisa da restauração e deixar que o Criador mexa nela à moda dele.

Ou você prefere continuar batendo pino e talvez ficar na estrada? A troco de quê?

Referências da Bíblia: ¹ Salmo 121.1; ² Salmo 121:2; ³ I Tessalonicenses 5.13; 4 João 3.16

Anúncios

Filmes que ajudam a empreender

Com tantas dificuldades na hora de abrir o próprio negócio, muitas pessoas desistem no meio do caminho. Às vezes é por falta de investimento, ou por não achar que sua ideia é inovadora, ou então, simplesmente desanimam.

Pensando nisso, selecionamos alguns filmes que podem inspirar os empresários a continuar ou, quem sabe, começar a grande aventura que é ser um empreendedor.

Os filmes, além de divertir, mostram histórias de superação, liderança, artifícios para tomadas de decisão e as consequências que a busca pelo sucesso pode trazer. Aproveite para relaxar, refletir e, principalmente, se inspirar!

Quem se Importa – 2012
Gênero: Documentário

Filme narrado por Rodrigo Santoro e dirigido por Mara Mourão. Foi gravado em sete países diferentes: Brasil, Peru, EUA, Canadá, Tanzânia, Suíça e Alemanha. O longa-metragem conta a história de empreendedores sociais, pessoas que agem para mudar o mundo.

Assista ao trailer aqui

O Discurso do Rei – 2010
Gênero: Drama

O filme mostra a superação de George, personagem de Collin Firth, um gago que precisa adquirir autoconfiança para cumprir o desafio de assumir a coroa da realeza britânica. Um exemplo de perseverança, atitude fundamental para um empreendedor obter sucesso.

A Rede Social – 2010
Gênero: Drama

História do mais jovem bilionário da história, Mark Zuckerberg, o criador da rede social Facebook. O filme mostra uma série de lições para jovens empreendedores que querem seguir o exemplo de sucesso de Zuckerberg.

À Procura da Felicidade – 2006
Gênero: Drama

Will Smith interpreta Chris Gardner, um pai de família que é abandonado pela esposa e se vê sozinho com um filho e sem emprego. O filme conta a história de superação de Chris, que apesar de ver tudo desabando, não perde a esperança de lutar por um futuro melhor.

Menina de Ouro – 2004
Gênero: Drama

O filme conta a história de uma jovem que quer se tornar lutadora profissional de boxe. Sua primeira barreira é convencer Frankie Dunn (Eastwood), um famoso treinador de boxe, a treiná-la. A prova de que com garra e perseverança é possível fazer qualquer coisa.

A Inveja Mata – 2004
Gênero: Comédia

A história de dois vizinhos, Tim (Ben Stiller) e Nick (Jack Black), que trabalham juntos e são grandes amigos. A amizade é abalada quando Nick convida Tim para ser sócio de uma grande ideia sua e Tim recusa a proposta. Nick coloca seu plano em prática e começa a fazer sucesso e a ganhar muito dinheiro. Com muito humor, é possível se divertir e, ao mesmo tempo, tirar algumas lições para a vida real, como saber aproveitar as oportunidades.

Uma Mente Brilhante – 2001
Gênero: Drama

Filme baseado no livro de Sylvia Nasar. Beautiful Mind: A Biography of John Forbes Nash Jr, conta a história do Jovem de 21 anos que, diagnosticado como esquizofrênico pelos médicos, enfrentou batalhas em sua vida pessoal, lutando até o fim de sua vida. John enfrentou os obstáculos, desenvolveu uma ideia brilhante, e ganhou um prêmio Nobel, mostrando que todos podem realizar seus sonhos.

Piratas do Vale do Silício – 1999
Gênero: Drama

Filme baseado no livro de Paul Freiberger e Michael Swaine, conta a história da criação e ascensão da Apple e da Microsoft, duas das maiores empresas do mundo. O roteiro mostra os obstáculos enfrentados por Bill Gates e Steve Jobs em busca do sucesso.

Big Night – 1996
Gênero: Drama

Um restaurante italiano em declínio gerido por dois irmãos depende de um evento especial que está sendo preparado para tentar salvar o negócio. O filme mostra a importância de se conhecer o consumidor e as estratégias elaboradas para alavancar a empresa.

Selvagens em Wall Street – 1993
Gênero: Comédia

Baseado em fatos reais, o filme conta a história de F. Ross Johnson, que começou como office boy e se tornou CEO de uma grande empresa em Nova York, mas pode colocar tudo a perder quando colocar em prática seu plano de comprar a empresa.

O Segredo do meu Sucesso – 1987
Gênero: Comédia

Michael J. Fox interpreta Brantley Foster, um jovem do Kansas que vai para Nova York fazer fortuna, mas seus planos não dão certo e ele pede ajuda para um tio distante que lhe oferece um trabalho mais modesto. Michael, que não esperava ter que começar uma carreira do zero, leva uma vida dupla, fazendo de tudo para chegar ao seu objetivo.

Wall Street – 1987
Gênero: Drama

O filme conta a história de Bud Fox (Charlie Sheen), um jovem e ambicioso corretor da bolsa de valores que faz de tudo para se dar bem, passando por cima de qualquer escrúpulo, ética e meios lícitos. Será que tudo é válido na hora de realizar um sonho?

Cidadão Kane – 1941
Gênero: Drama

Filme inspirado na vida do milionário William Randolph Hearst. A história do garoto pobre no interior que se torna empresário de um império dos meios de comunicação. Kane é um homem solitário que vê na aquisição de bens uma forma de aproximar as pessoas.