A Evolução do Papamóvel

O papamóvel tem sido, por décadas, o carro oficial para transportar o pontífice em meio às multidões que ele arrasta. Veja agora como esse veículo evoluiu ao longo do tempo.

1930: Mercedes-Benz Nürburg 460
O primeiro papamóvel foi construído especificamente para o uso do Papa Pio XI.

1960: Mercedes-Benz 300D Landaulet
Passaram-se 30 anos até que o papamóvel fosse substituído pela primeira vez. E o veículo oficial do pontífice ganhou algumas mordomias, como ar condicionado e rádio.

1964: Lincoln Continental Lehmann-Peterson
Esse carro estiloso combinou bem com a visita do Papa Paulo VI à cidade de Nova Iorque, em 1964.

1965: Mercedes-Benz 600 Pullman
Um ano mais tarde, Paulo VI ganhou de presente esse novo papamóvel. Como no veículo anterior, esse apresentava uma abertura no teto para que ele pudesse interagir com o público.

1967: Mercedes-Benz 300 SEL
E vocês acharam que o Papa não andava de limosine? Dêem uma olhada no veículo que o transportou em 1967.

1979: FCS Star
A visita de João Paulo II à Polônia, sua terra natal, foi feita à bordo desse caminhão totalmente personalizado para atender as necessidades papais

1980: Mercedes-Benz 230 G
Já na visita à Alemanha, a Mercedes-Benz presenteou o papa com um papamóvel que serviria de modelo para muitos outros. A caixa transparente permitia que o pontífice ficasse protegido de possíveis atentados e ainda tivesse contato visual com o público

1982: Seat
Esse papamóvel espanhol foi o menor de todos os tempos.

1985: Mercedes-Benz 500 SEL W126
Esse foi o primeiro carro totalmente blindado a ser usado pelo papa. O Vaticano gostou tanto que continuou usando o veículo por muito tempo. Até Bento XVI deu umas voltinhas nele.

1999: O papaônibus
Em sua visita ao México, João Paulo II utilizou um papamóvel bastante unusitado: dessa vez, o veículo foi adaptado de um ônibus. Depois da morte do pontífice, o veículo passou a ser exposto na Basílica de Guadalupe, na Cidade do México.

2002 – Mercedes-Benz ML430
De volta com a caixa transparente para transportar o papa em segurança, o veículo utilizado nos últimos anos de vida de João Paulo II era totalmente blindado

2004 – Fiat Campagnola
Esse papamóvel era usado apra transitar na Cidade do Vaticanos, principalmente entre as multidões que costumam lotar a Praça de São Pedro.

2006: Mercedes-Benz G500
O Fiat foi logo substituído por esse outro modelo da Merceds-Benz, que pode ser transformar de um carro aberto em um veículo à prova de balas. Esse foi o primeiro papamóvel a ser usado apenas por Bento XVI.

2013 – Mercedez-Benz ML
Apesar de ser contrário a qualquer pompa, Francisco I foi transportado por um modelo de luxo da Marcedez-Benz. O carro, utilizado durante a Jornada Mundial da Juventude no Rio de Janeiro, possui cabine de vidro blindado e iluminação para que os fiéis possam enxergar melhor o papa.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s