Livre-se de uma vez da nova interface do Windows 8!

Você não precisa aceitar a interface “Moderna” para aproveitar os bons recursos do Windows 8. Faça estes ajustes rápidos e restaure o bom e velho Desktop à sua posição de destaque!

Em um mundo fervilhando com tablets e telas sensíveis ao toque, a decisão da Microsoft de amarrar o Windows 8 à “interface moderna” (Modern UI), anteriormente conhecida como Metro, faz sentido. Pelo menos para a Microsoft. Mas se você é parte da maioria dos usuários do Windows que não está usando um tablet ou uma tela sensível ao toque, o foco em “blocos dinâmicos” e “apps” é uma fonte de frustração, e não um recurso. E o sistema está cheio de formas sorrateiras de te arrastar pra longe do desktop e jogá-lo na “Tela Iniciar”.

O Windows 8 e sua controversa interface virão preinstalados em praticamente qualquer computador vendido ao longo dos próximos dois anos, mas não tema: os mais ferrenhos fãs do Desktop não serão forçados a abandoná-lo. Mostramos aqui um guia passo-a-passo para eliminar a nova interface do Windows 8 de seu computador. Depois que você terminar, pode até descobrir que gosta mais do novo sistema do que do Windows 7, como aconteceu comigo.

Dada a forma como a nova interface está “entranhada” no Windows 8, não é surpresa que o processo de removê-la não seja algo instantâneo. Cada um dos programas que você provavelmente usa no dia-a-dia, como Email, Mensagens e Vídeo, só existe uma versão “Moderna”, em vez de um aplicativo tradicional. Portanto, antes de se livrar da nova interface você terá de encontrar alternativas para os aplicativos padrão do sistema.

A sua seleção provavelmente será diferente, mas descobri que posso atender às minhas necessidades básicas com o Thunderbird (Email), Digsby (cliente de mensagens insantâneas multiplataforma), Spotify (Nota do Editor: serviço de streaming de áudio ainda não disponível no Brasil), o cliente desktop do SkyDrive (muito mais flexível que a versão para o Windows 8) e o Google Chrome. Se você quiser assistir DVDs em seu computador com o Windows 8 recomendo também o player de vídeo VLC, que inclui este recurso (removido do sistema pela Microsoft) e é gratuito.

Depois de preparar seu pacote de programas você vai querer torná-los mais fáceis de acessar, já que o Windows 8 não tem um botão/menu iniciar. Uma alternativa é colocar atalhos para eles no desktop, mas prefiro colocar os ícones para meus programas favoritos na barra de tarefas. Abra o programa, clique com o botão direito do mouse sobre seu ícone e selecione a opção Fixar este programa na barra de tarefas. Usei o mesmo truque para colocar na barra um atalho para o Painel de Controle do sistema.

Mudando os padrões

Agora você precisa definir os programas que instalou como o padrão para os tipos de arquivo comumente associados a eles. Assim você impede que o Windows 8 abra os arquivos em um dos apps “Modernos” inclusos com o sistema. Muitas vezes, ao abrir um programa pela primeira vez ele pergunta se você quer torná-lo o padrão. Basta responder Sim.

Nesta janela você define os programas padrão para lidar com vários tipos de arquivo

Agora abra o Painel de Controle e selecione Programas / Programas Padrão / Definir os programas padrão. Você vai ver uma lista de todos os programas instalados em seu PC. Clique em cada um dos programas desktop que você instalou (como o Chrome) e em Definir este programa como padrão. Se você não instalou o VLC, recomendo definir o Windows Media Player como o padrão para arquivos de áudio e vídeo, ou você será levado ao apps Músicas ou Vídeo sempre que tentar abrir um arquivo de mídia.

Fazendo buscas e substituindo o Menu Iniciar

É aqui que as coisas ficam interessantes: o quanto você odeia a nova interface do Windows 8? A resposta fará uma diferença crucial em como você irá navegar pelos programas instalados e fazer buscas no sistema.

Se você odeia o novo visual com todas as forças, vai querer um programa que restaure o tradicional Menu Iniciar ao desktop. Assim você nunca terá de ir à tela Iniciar para acessar os programas instalados ou buscar por um arquivo. O ClassicShell é uma excelente opção para isso, e ainda te dá a opção de iniciar o sistema automaticamente no desktop. Outra alternativa é o Pokki, que não só tem um Menu Iniciar bastante completo e versátil (mas com um layout diferente do original) como também traz “mini apps” que integram serviços como o Instagram ou o GMail ao seu desktop. Ambos são gratuitos.

A tela Aplicativos é uma das partes realmente boas da nova interface do Windows 8

Mas após meses usando o Windows 8 diariamente, com e sem substitutos para o Menu Iniciar, recomendo que você engula seu orgulho e aceite a nova interface apenas neste caso. O Windows 8 tem um sistema de busca sensacional, e acabei aprendendo a gostar mais dele do que do velho Menu Iniciar.

Ao contrário do restante da interface metro, a tela Aplicativos é surpreendentemente útil mesmo em um PC. E você pode criar um atalho no desktop que o leva direto para esta tela, usando-a como um substituto mais eficiente do Menu Iniciar. Para isso clique com o botão direito do mouse no Desktop e escolha a opção Novo / Atalho no menu. No campo sob Digite o local do item cole o comando a seguir e clique em Avançar:

%windir%explorer.exe shell:::{2559a1f8-21d7-11d4-bdaf-00c04f60b9f0}

Dê um nome para seu atalho – eu fiquei com a escolha óbvia e o chamei de Aplicativos – e clique em Concluir. O atalho irá surgir em seu desktop, e você pode fixá-lo à barra de tarefas se quiser. A tela Aplicativos inclui uma lista completa com todos os programas instalados em seu computador, ou você pode simplesmente digitar o nome de um programa para iniciar uma busca instantânea.

Vá direto ao desktoop

Depois de definir seus programas desktop como padrão e resolver o dilema do Menu Iniciar, você precisa configurar seu PC para ir automaticamente para o desktop na inicialização, ignorando a Tela Iniciar.

Abra o agendador de tarefas (vá ao Painel de Controle e clique em Sistema e Segurança / Ferramentas Administrativas / Agendador de Tarefas) e no painel à direita na janela do programa clique em Criar Tarefa… Dê um nome para ela, como “Direto ao Desktop”, ou algo similar. Clique na aba Disparadores, no botão Novo… e no menu Iniciar a tarefa, no topo da janela, escolha a opção Ao fazer logon. Agora abra a aba Ações, clique no botão Novo… outra vez e digite explorer no campo Programa/script.

Clique em OK para salvar a tarefa e pronto! A partir de agora, sempre que você fizer logon no Windows o sistema irá automaticamente para o desktop.

Preparando-se para dormir

Já consegue sentir o gostinho de um futuro sem a nova interface? Estamos quase lá! O passo final é criar um botão no desktop para desligar seu computador, para que você nunca mais tenha que abrir a barra de “Charms” para isso.

Clique com botão direito do mouse em um espaço vazio no desktop e escolha Novo / Atalho. Cole o texto a seguir no campo sob Digite o local do item e clique em Avançar:

shutdown /s /t 0

Na próxima tela dê um nome para o atalho, como “Desligar” e clique em Concluir. O atalho irá aparecer em seu destkop com um ícone genérico, que você pode trocar se quiser: clique com o botão direito do mouse sobre o atalho e escolha o item Propriedades no menu. Na janela que surge clique na aba Atalho e em Alterar ícone… Você verá uma grande lista de ícones, escolha o que mais lhe agradar.

Também recomendo colocar o ícone Desligar bem distante dos outros ícones em seu destkop, já que ele desliga o computador imediatamente, sem avisos ou pedido de confirmação, o que é um problema se você clicar nele por acidente.

Um desktop "desmetrificado". Note atalho para a tela aplicativos no canto inferior
esquerdo da barra de tarefas, e o ícone desligar no canto inferior direito. Clique para ampliar

É isso: você baniu a “Modern UI” de seu PC com o Windows 8. Aproveite os bons recursos do sistema, como o boot rápido e as várias melhorias “por debaixo dos panos”, sem os incômodos de uma nova interface.

Bônus: diga adeus à Lock Screen

Quer mais? Tecnicamente a “Lock Screen” (Tela de Bloqueio) do Windows 8 não tem nada a ver com a nova interface, mas é supérflua em um computador sem uma tela sensível ao toque, e sua inclusão por padrão é um lembrete constante de que o projeto do Windows 8 coloca os tablets em primeiro lugar. Veja a seguir como se livrar dela com requintes de crueldade.

No Desktop tecle Windows+R para abrir a caixa de diálogo Executar, digite gpedit.msc no campo Abrir e clique em OK. Isso fará surgir o Editor de Política de Grupo Local. No painel à esquerda da janela clique nas setinhas ao lado de Configuração do Computador / Modelos Administrativos / Painel de Controle e no item Personalização. No painel à direita dê um duplo-clique na opção Não exibir a tela de bloqueio, e na janela que surgir marque a opção Habilitado e clique em OK. Pronto!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s