Veja como se comportar na festa de fim de ano da Empresa

Consultores de recursos humanos dão dicas para funcionário não se prejudicar no evento

O fim do ano está chegando e as empresas se preparam para realizar a última confraternização oficial da “temporada”. Depois da pressão por metas e das cobranças durante os quase 365 dias anteriores, as corporações costumam alugar espaços para eventos e oferecer um momento de descontração aos funcionários.

Na mesma velocidade das confraternizações, os funcionários têm dúvidas comuns sobre essa época do ano. Como escolher a roupa? Qual o valor do presente do amigo secreto? Posso levar minha família? Será que, se eu faltar, alguém vai perceber? Por que não encher a cara na festa?

Para responder a estas questões, conversamos com alguns especialistas de recursos humanos para descobrir como o funcionário deve se comportar na confraternização de fim de ano da empresa.

Eles concordam que o evento é a hora ideal para conversar com os colegas de trabalho sobre assuntos do dia a dia e relembrar os fatos do ano. A festa também é uma oportunidade de interação e de conhecer outras pessoas da mesma empresa.

De acordo com o gerente de marketing da Catho Online, Adriano Meirinho, é importante o funcionário lembrar que a festa de fim de ano é uma extensão da empresa.

– É essencial lembrar que, mesmo sendo um ambiente mais descontraído, a festa de final de ano da empresa faz parte do ambiente coorporativo. Você está no mesmo local que os seus chefes e colegas de trabalho, e o que for feito “em excesso” será comentado no dia seguinte, não há como fugir disso.

A especialista em recrutamento da Robert Half Consultoria, Adriana Cambiaghi, desvincula o comportamento na confraternização e a ascensão na carreira.

– A promoção não está relacionada à festa de fim de ano. Embora exageros peguem muito mal, você deve ir à festa sem pensar em como se comportar. O chefe não avalia o funcionário na festa.

Os dois consultores recomendam alguns pontos em comum: comparecer à festa, nem que seja por algumas horas, não levar parentes se não forem convidados, evitar trajes curtos ou sedutores. Para Adriana, as mulheres precisam ter atenção especial.

– Cada empresa tem um código, definido pela área de recursos humanos. As mulheres devem tomar cuidado porque [a festa] não deixa de ser um ambiente corporativo, apesar da informalidade. É importante não abusar de decotes, saias muito curtas, maquiagens extravagantes e fendas no vestido.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s